Como escolher o berço do seu bebê

Existem diversos modelos de berços disponíveis no mercado. Mas qual o melhor de todos?

Essa resposta não existe, pois todas as grandes empresas fabricam produtos dentro das normas de qualidade definida pelo Inmetro – Instituto de pesos e medidas do Estado de São Paulo. Ou seja, todos são maravilhosos!

Então o melhor berço para o seu bebê depende muito do espaço que você tem e do seu objetivo com o móvel. Existem berços clássicos ou modernos, berços simples e mais trabalhados, berços portáteis, berços dobráveis, berços desmontáveis, berços com trocador para o bebê, berços com cômoda, berços com cama, berços 3 em 1, berços que se transformam totalmente para outros móveis. Os modelos são variados, então é fundamental que você analise o que pode ter, o que cabe no espaço do quarto e qual se adequa a suas necessidades.

Importante: a partir de 2017 todos as grades dos berços deverão ser fixas! O Inmetro alterou as normas e as empresas não podem fabricar grades móveis nos berços. Em suas pesquisas muitas fotos estarão com a grade abaixada, mas isso não é mais fabricado.

Antes de comprar o berço você deve medir o quarto e verificar onde é o melhor local para o berço ficar. Se você não sabe onde ele pode ficar, procure uma loja especializada para dar as melhores orientações ou contrate um profissional qualificado e experiente em quarto de bebês.

Definido o local, é hora de procurar! Já falamos nesse outro texto quais móveis são fundamentais dentro do quarto do bebê. Vamos enfatizar: um berço, um local para guardar as coisas do bebê e um local para realizar a limpeza e troca de fralda. Se o seu espaço é menor, sugerimos um móvel que atenda a todas necessidades: um berço com trocador e cômoda.

Berço Versátil

 

O espaço pode não ser suficiente para todas as roupinhas, acessórios e objetos de uso do bebê. Mas muita coisa de uso frequente pode ser guardada perto do berço, e o restante em outro local da casa.

 Você também pode ter um guarda-roupa que permite mais espaço de armazenamento.

Roupeiro Mon Trésor

 

Caso tenha bastante espaço sugerimos colocar um berço, uma cômoda e, se couber, um guarda-roupa.

 
 

 

Estilos de berço


Antigamente o modelo clássico era o mais utilizado no quarto do bebê, e os pais tinham dificuldade de encontrar algo diferente. Hoje existem tantas opções que ficamos confusos! A escolha é totalmente pessoal, mas vamos explicar as diferenças e mostrar alguns modelos existentes no mercado brasileiro. Vamos lá?

 

Estilo Clássico

Os anos podem passar, mas ele nunca sai de moda: o estilo clássico não segue tendências, mas normalmente exige uma decoração mais trabalhada.

A atenção se volta para os móveis, especialmente para o berço, que muitas vezes segue o estilo provençal, que é a mistura entre sofisticado e rústico. Os móveis possuem detalhes, tecidos, capitonê, entalhes, pés torneados, puxadores com formatos etc. As cores podem variar, mas normalmente são: branco, madeirado, e branco com detalhes madeirados.

O Berço Imperial da JC Móveis possui detalhes delicados e uma forma graciosa. Ele se transforma em mini cama e a grade é fixa (ao contrário do que está na foto!)

Da mesma empresa, o berço Nantes no estilo provençal dá ênfase aos entalhes na madeira. Ele também se transforma em mini-cama e possui grades fixas.

 

O berço da linha Majestic Carvalho da Quater teve inspiração nos refinados móveis estilo Luis XV. Os entalhes são feitos à mão e há opção de colocar alguns tecidos diferentes no capitonê (esse estofado com furinhos). Ele se transforma em mini-cama também.

O berço Le Classé da Idea Kids também se transforma em mini-cama e possui entalhes de madeira. Em lugar do capitonê, este modelo tem um trançado de palha natural. A madeira é maciça e de reflorestamento.

 

Estilo Moderno

Bastante recente no Brasil, o estilo moderno conquistou muitos pais pois se adapta a diversas necessidades. Ele permite fazer um quarto mais clean com cores neutras, ou bem colorido e cheio de detalhes. As opções são infinitas mas o quarto sempre fica personalizado!

A maioria dos modelos se transformam em mini-cama, mas alguns viram mini-berço poltronas, cama de solteiro etc. Separamos alguns modelos para exemplificar.

 

O Berço Wave da Sleeper é um berço que possui lateral de acrílico e permite balanço para ajudar o bebê a dormir. Ele se transforma em mini-berço, permitindo uso prolongado.

O Berço Vintage Plus da JC Móveis se transforma em mini-cama também. Os estilos são diferentes, e você poderá usar este tipo de berço por mais tempo.

 

O Berço Montessori da Quater é outro berço que se transforma em mini-cama. Aqui ele é bem diferentes dos outros dois, saindo totalmente do padrão. Há ainda a possiblidade de tirar a grade de trás e as laterais e ficar apenas com a estrutura. A cama fica praticamente no chão. As crianças adoram.

Esse berço da linha Bo da Cia. Do Móvel se tranforma em mini-berço, berço e mini-cama. Ou seja, nas primeiras semanas de vida do bebê, você pode achar que um berço comum tem muito espaço, e o mini-berço acomoda melhor seu filho. Depois é só montar o berço de tamanho normal, e passada essa fase de uso, você tem uma mini cama que pode te acompanhar por mais alguns anos.

O Berço Crescer da Sleeper é moisés, berço, mini-cama e poltronas. Se o mini-berço já é uma mão na roda, o Moisés ocupa menos espaço ainda. E depois que a mini-cama perder seu uso você ganha duas poltronas pra decorar a casa ou o novo quarto da criança.

 

O Berço Multifun da Idea Kids se transforma em: cama de solteiro, mini escrivaninha, banquinho gaveteiro, porta-brinquedos e prateleira. Este berço peprmite que após o período de uso do berço você consiga desmontar ele praticamente inteiro e ganhar novas peças para o quarto.

 

As opções dos melhores berços são variadas. Por isso é importante ver o que se deseja ter em qual estilo e se terá utilidade após o período de uso do berço!